fbpx

Nenhum produto no carrinho.

Clubhouse: tudo sobre a rede social exclusiva do momento

Já imaginou uma rede social sem posts, fotos, vídeos e legendas? Pois é! No ClubHouse, a nova rede social, nada disso está disponível: o ouro está na simples e boa conversa ao vivo.

Se você acessou a internet nos últimos três meses deve ter ouvido falar do novo aplicativo super exclusivo para quem curte bater papo em áudio.

Avaliado em US$ 1 bilhão  e crescendo, o app é uma tendência: quem ainda não entrou, está louco para conseguir um convite. E já tem gente até mesmo vendendo “entradas” para quem não quer perder nada da plataforma de “podcasts ao vivo”. 

E aí, você já está por lá? Se ainda não conseguiu entrar na rede e quer saber mais sobre ClubHouse, continue a leitura!


Afinal, o que é ClubHouse? 

Criada em março de 2020, ClubHouse é uma rede social de conversas por áudio, quase como um podcast ao vivo.

Seus fundadores são Rohan Seth, ex-funcionário do Google e Paul Davison, empresário do Vale do Silício. Juntos, criaram o aplicativo que é a nova sensação entre os aficionados por redes sociais. 

Apesar de ter mais de um ano de vida, o app só chegou ao Brasil em fevereiro de 2021, se tornando a nova tendência da internet entre os brasileiros. 

Além de chamar a atenção por ser uma nova rede social – coisa que o brasileiro ama, o que deixou todo mundo mais curioso é a sua exclusividade: para fazer parte do ClubHouse, você precisa ser convidado por alguém que já está dentro do app. 

E na luta por um convite para fazer parte da novidade, foi assim que, em poucos dias, o aplicativo ultrapassou de 600 mil usuários para 6 milhões de pessoas ativas! 

Um crescimento mais rápido do que o conseguido pelo TikTok

Além disso, outro ponto que gerou um grande burburinho é a disponibilidade do app: a rede social ainda não está disponível para o sistema operacional Android, então apenas a galera do Iphone conseguiu marcar presença até o momento.

E tem mais: o aplicativo, além de superexclusivo, também virou objeto de desejo por ter várias celebridades com perfis ativos por lá.

Já imaginou ouvir famosos como Oprah Winfrey, Drake, Ashton Kutcher ou Mark Zuckerberg falando sobre um assunto qualquer? 

Pois é! O ClubHouse abriu um mundo para novas conexões e experiências, como participar de salas de debates com esses grandes nomes. 

Como funciona o aplicativo? 

Ao fazer seu cadastro no ClubHouse, você seleciona alguns tópicos de maior interesse para que o app recomende as salas ao vivo que mais combinam com seu perfil. 

Apesar de parecer uma confusão ter várias pessoas presentes em uma mesma sala, conversando ao mesmo tempo, os eventos do ClubHouse são bem organizados.

Diferente do Facebook, Instagram ou Twitter, por exemplo, em que as pessoas podem comentar suas publicações sem pedir permissão, para falar em uma sala do app é preciso solicitar espaço. 

Funciona assim: existem os moderadores da sala que podem falar a qualquer momento, fora eles, o restante está ali para ouvir a discussão. 

Caso acredite que tenha algo a acrescentar, você pode sinalizar com a mão (há um botão para isso) e pedir permissão aos speakers para falar também. 

O app funciona em segundo plano, o que é excelente para quem quer continuar navegando na internet ou por outros apps sem perder o conteúdo da sala. 

Assim, basta minimizar o app para continuar ouvindo enquanto faz qualquer outra coisa. 

Outro ponto super positivo do aplicativo é a aba calendário, em que você pode conferir os novos eventos que vão acontecer, dentro dos assuntos que demonstrou interesse, para participar.  

E, claro, você também pode criar sua própria sala para discutir o assunto que quiser.

Ao criar seu evento , você pode selecionar o nível de privacidade que deseja: 

  • Aberta: qualquer usuário do ClubHouse que quiser poderá participar;
  • Social: apenas amigos de amigos podem entrar na discussão;
  • Fechada: apenas pessoas selecionadas, que fazem parte das suas conexões, podem acessar o evento. 

Dentro de cada sala podem ser adicionadas até 5 mil pessoas. Já pensou compartilhar algo com essa gente ao mesmo tempo?  😱. 

Como entrar para o ClubHouse?

Como foi dito, para fazer parte do ClubHouse é preciso receber um convite de algum amigo ou conhecido que já esteja dentro da rede social

Ao fazer o cadastro, cada novo usuário recebe 2 convites para convidar outras pessoas. 

Outra forma de conseguir entrar na plataforma é fazendo o seu pré-cadastro no app para entrar em uma lista de espera. 

Assim, o próprio ClubHouse envia uma notificação para os seus contatos que já estão na rede informando que você está na espera. Assim, eles podem liberar seu acesso ao aplicativo sem gastar nenhum dos convites.

Então, só nos resta esperar!

Dito tudo isso, podemos concluir que o ClubHouse é, sim, uma rede social muito diferente de tudo o que estávamos acostumados até o momento.

Na realidade, o conteúdo do ClubHouse acaba assim que a conversa da sala termina: não há algoritmo, entrega e engajamento para conferir depois. 

Afinal, estamos falando de conversas em tempo real, uma forma de compartilhar conhecimento e trocar experiências sem ser necessário se preocupar com pré-produção ou performance. 

Dentro das normas do app é informado que gravar as conversas é estritamente proibido. Portanto, o que acontece no ClubHouse, fica no ClubHouse – menos os insights incríveis que você pode pegar, é claro. 

Se você já está dentro do app do momento, deixe nos comentários suas impressões sobre o ClubHouse e se vale a pena fazer parte da plataforma.

Até a próxima!

Inscreva-se e fique por dentro. Anima?

Bem vindx de volta!

Faça o seu login

Criar nova conta

Preencha o formulário e registre-se

*Ao se registrar no site, você aceita nossostermos de uso e política de privacidade.

Recupere sua senha

Por favor use o usuário ou e-mail para resetar sua conta

bsNh94tQSkWzQ3cDL